segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Os melhores hambúrgueres de Campinas!

Olá Viajantes, tudo bem?

Se prepara porque esse post vai te dar fome! Aqui em Campinas existem muitas opções de restaurantes e lanchonetes para conhecermos, seja no Cambuí, um dos bairros com maior concentração de restaurantes ou nos shoppings, vc encontra de tudo: comida mexicana, americana, asiática, italiana, japonesa, chinesa e até indiana!

Fiz até um post com dicas dos restaurantes mais românticos aqui de Campinas! Se quiser dar uma olhadinha é só clicar AQUI!


Eu particularmente tenho uma relação bem complicada com comida, já que meu paladar é bastante infantil! Então é difícil pra mim experimentar tantas opções, uma pena com certeza!

Acabei me tornando uma "especialista" em experimentar uma das minhas comidas preferidas! O maravilhoso hambúrguer!! Já comi dezenas de lanches, com vários tipos de hambúrgueres e acompanhamentos! Haja academia depois pra queimar todos eles!

E aqui vou deixar pra vcs o meu top 3 lugares maravilhosos pra vc se deliciar com os hambúrgueres servidos por lá!

1 º Lugar - Homeworks!



O Homeworks é um food truck que conheci em um dos eventos que acontecem aqui em Campinas todo ano! Felizmente agora eles tem um ponto fixo, que fica no Sebastian Bar aqui em Campinas mesmo, mas vc pode acompanhá-los pelo facebook para sempre saber se eles farão algum evento na sua cidade ou não, sei que eles já foram para Sorocaba, São Carlos, São Paulo e até Rio de Janeiro! Enquanto isso nós aqui de Campinas somos sortudos por tê-los aqui sempre!

Estava lá no evento analisando minhas opções e um dos hambúrgueres deles me pareceu muito diferente e eu acabei provando e me apaixonando! O lanche se chama Angus Young e é composto por pão australiano, hambúrguer de costela, queijo, alface, tomate, maionese temperada de fabricação própria e muito bacon! Coisa mais linda e deliciosa!!


Sério, é um dos melhores lanches que eu já comi na vida! A carne é extremamente macia e saborosa, o pão australiano dá um gostinho meio docinho bem leve e sutil o que diminui bastante o salgado do bacon delicioso que é tostadinho na medida (nem muito duro, nem muito mole), e a maionese é bem suave, mas dá um toque a mais de perfeição ao lanche!

Claro que eles tem muitas outras opções de lanches, tem o Jefferson Airplane (hambúrguer de fraldinha, queijo provolone, cebola chapeada, alface e pickles de jalapeño no pão tradicional) que também é um dos mais vendidos e o Jimmy Bacon (blend de hambúrgueres, queijo, maionese e muito bacon no pão tradicional) que é o preferido do meu namorado. Eles tem até uma opção para os vegetarianos! Todos os lanches custam em média de 20,00 à 25,00 dinheiros, o que eu acho justo porque vale bastante a pena!


2º Lugar - Bronco Burguer

Essa hamburgueria nós conhecemos esse ano, mesmo porque eles abriram a pouco tempo atrás, só a um aninho, ela fica em Barão Geraldo (distrito de Campinas) em um lugarzinho muito bonitinho. Tem toda uma decoração industrial, aconchegante e uma pegada bem diferente, meio hipster.


São 4 opções de lanches, um mais simples chamado Basic Bronco (hambúrguer de costela e pão), o Cheese Bronco (pão tradicional, hambúrguer de costela e queijo), Bronco Burguer (pão, hambúrguer de costela, queijo, cebola roxa, alface e pickles) e o Veggie Bronco, todos são servidos com maionese artesanal que eles mesmo fazem. Esta sentindo falta de um item essencial nos lanches? Sim estou falando do bacon, lá se vc quiser tem que colocar como adicional no seu lanche, e também pode duplicar a quantidade de carne e queijo (tudo cobrado a mais, claro). Eles também servem uma porção de batatas fritas rústicas que são maravilhosas e aí vc tem a opção de escolher uma porção individual ou completa. Os preços variam de 18,00 à 25,00, mas com os adicionais fica um pouquinho mais caro.

A primeira vez que fui la comi o Cheese Bronco com adicional de bacon. Antes de ir já estava ouvindo muitas avaliações boas sobre o lugar, mas mantive minha expectativa baixa, quando dei minha primeira mordida no lanche e olhei pra cara do meu namorado e do amigo dele que estava com a gente foi muito engraçado, os três entraram em choque e ficaram sem palavras, o lanche era muito bom mesmo! A carne é extremamente macia e suculenta, molhadinha na medida e com um gosto muito bom de costela mesmo, o queijo derretido e a maionese se complementam bem e o bacon dá aquele toque salgadinho e crocante que tanto amamos! O lanche é sensacional, com um gosto único.


Confesso que foi muito difícil escolher quem ganharia o primeiro lugar da minha lista de indicações, porque os dois hambúrgueres, tanto do Homeworks como do Bronco Burguer, são excelentes! Mas o hambúrguer do Homeworks tem mais explosão de sabores com o pão australiano e a maionese deles, é mais suave, o que me agrada demais! Então é assim, se vc gosta de um sabor mais intenso, vai de Homeworks, mas se vc prefere uma coisa mais suave, vai de Bronco Burguer.


3º Lugar - The Fifties

Esse existe em muitas cidades aqui pelo Brasil e até lá fora, então é bem mais fácil de vcs conseguirem experimentar, aqui em Campinas ele esta no Shopping Iguatemi. Por ele ser mais comum, tipo um fast food, o Fifties não tem essa pegada gourmet que o Homeworks e o Bronco tem, mas é o meu terceiro lanche preferido.

Já frequento lá há uns 5 anos e não enjoo do hambúrguer de picanha bem passado com queijo cheddar! Lá vc pode montar seu lanche com vários tipos de hambúrgueres, queijos e adicionais ou se preferir pode pegar uma opção pré estipulada por eles. O lanche esta sempre bem montado, com a carne no ponto que vc pede bem macia, suculenta e molhadinha na medida certa, mas com um sabor bem leve, bem sutil mesmo. A porção de batata frita é a minha preferida, vem com aquelas bem crocantes por fora e macias por dentro!


Outro ponto forte do Fifties são as sobremesas maravilhosas, aconselho vcs a experimentarem o petit gateau deles e o bolo red velvet, são maravilhosos!!!


Bônus - Menções Honrosas!

BigJack Hamburgueria - na mesma pegada do Fifties, tem lanches bem gostosos e uma porção de fritas com cheddar, queijo prato e bacon deliciosa!!! Fica aqui em Campinas e vale muito a pena vc fazer aquela visitinha!

Mania de Churrasco - Essa rede de fast foods tem lojas em várias cidades pelo Brasil e aqui em Campinas uma delas esta no Shopping Dom Pedro e eu adoro as refeições de lá. Uma vez experimentei o lanche Barbecue Cheese Salad e me apaixonei! O hambúrguer é de carne Angus grelhado no fogo como se fosse churrasco mesmo, o pão vem com lascas de parmesão e o molho barbecue deixa tudo delicioso! Mas confesso que prefiro as refeições mesmo, o feijão e a carne Angus grelhada deixam o prato muito saboroso! Se tem um Mania de Churrasco na sua cidade corre experimentar!

Deu pra perceber que eu gosto mesmo de hambúrguer né! Claro que esse minha lista é de acordo com as minhas preferências por sabores e temperos, mas tenho certeza que todos os lanches aqui merecem ser experimentados! Se vc já comeu algum desses me conta aqui nos comentários!!!

Espero que vcs tenham gostado dessa lista de lindos e eu tenha deixado vcs com água na boca!!!

Bjoo e boa viagem!!

Todas as fotos foram retiradas das páginas do Facebook de cada hamburgueria!


sábado, 17 de setembro de 2016

Aprenda a ter amor próprio!

Olá Viajantes, tudo bem?

Sei que esse post será muito polêmico! Tenho certeza que muitas mulheres não aprovam o que eu irei dizer, não aprovam o livro e acham tudo isso uma grande perca de tempo! Mas como criadora de conteúdo, influenciadora digital ou blogueira, me vi na obrigação de contar pra vcs uma das melhores coisas que já aconteceu na minha vida!


Como vcs já devem ter percebido, eu adoro falar sobre livros, mas não curto muito fazer resenhas, prefiro dizer o que aquele livro causou em mim, o que mudou depois que eu o li e o que eu mais recomendo que vcs leiam. Então tenho que contar sobre esse meu tesouro que foi descoberto há uns 5 anos atrás!

Comecei a namorar muito nova com 14 anos e mantive esse relacionamento por quase 6 anos. Infelizmente como eu e ele éramos muito jovens e inexperientes foi uma relação bem traumática, regada a ciúmes excessivo dos dois lados, privação de amizades, saídas, vida social e mais uma série de outras coisas. Era sufocante! Sabe aquele vídeo da Jout Jout sobre o “batom vermelho”, meu relacionamento era exatamente daquele jeito, sem tirar nem por! Todos os dias (depois de 1 ano namorando) ficava imaginando como seria minha vida de solteira, mas não tinha coragem de terminar porque o meu ex dizia que eu era muito chata, insuportável e que eu nunca conseguiria encontrar outro namorado, que eu iria ficar sozinha no mundo porque nem minhas amigas queriam minha companhia... e foi assim por longos 5 anos e alguns meses! Até que depois de muito pensar, muitas brigas e outras coisinhas a mais, eu decidi terminar tudo.


Lembro a primeira noite que eu saí, minha primeira balada! Foi incrível! Fiquei pensando em quanto tempo eu havia deixado passar sem conhecer aquilo! E aproveitei minha vida de solteira por mais ou menos 1 mês! Veja bem, sou muito carente e nunca gostei de ficar sozinha!

Arrumei outro namorado que era pior que meu primeiro! Aí foi mais um relacionamento abusivo, cheio de mentiras, enganações, traições, brigas e muito choro! Como eu só tinha namorado uma vez e uma pessoa que era bem parecida comigo, estranhei muito ao namorar uma pessoa que não tinha nada a ver comigo! Eu ficava com uma determinada expectativa e meu ex só pisava na bola, eu fazia de tudo, me humilhava, gastava e era muito boba apaixonada! Até que alguns poucos meses depois ele terminou comigo. Sofri o pão que o diabo amassou, chorei por semanas, me humilhei mais um pouquinho e fiquei muito abalada!

Depois de um certo tempo de sofrimento comecei a me reerguer e pensar um pouquinho mais na minha vida inteira! Com essas experiências eu nunca tive a chance de aprender o que era certo e errado numa relação, o que eu precisava fazer para que as coisas dessem certo, como namorar de novo depois de “tantas” experiências ruins e acima de tudo eu não sabia quem eu realmente era.


Num dia conversando com uma grande amiga minha (que passava pela mesma situação) e desabafando sobre o que eu estava pensando e querendo, ela me contou sobre esse livro! Disse que uma outra amiga dela já tinha lido e dizia que era ótimo, que ajudaria bastante ela a mudar os próximos relacionamentos. Na hora já achei super legal. Veja bem eu estava desesperada atrás de respostas e quando vem um livro que promete mudar sua vida da água para o vinho fiquei maluca atrás dele. Por uma incrível coincidência estava passando no cinema aquele filme nacional “Qualquer gato vira-lata” que é baseado um pouco no livro e eu e minha amiga decidimos ir assistir, só ajudou a reforçar ainda mais meu desejo de comprar o "Por que os homens amam as mulheres poderosas".

Alguns dias depois ele estava na minha mão e eu comecei a devorá-lo com fervor!

Primeiro de tudo, o titulo do livro é bastante sensacionalista! Sinceramente ele deveria se chamar “ Aprenda a ter amor próprio” porque é basicamente isso que ele ensina!

Depois de ler alguns exemplos que o livro dá de uma mulher “boazinha”, percebi que era exatamente tudo que eu fazia, eu não acertava uma! Claro que tem algumas dicas que não são tão legais assim e eu até acho muito radicais, mas a maior parte do livro é excelente.


Um dos ensinamentos mais importantes do livro é se coloque em primeiro lugar sempre! Em tudo que for fazer, vc deve pensar em vc primeiro, se aquilo não te agride, não te prejudica e não vai contra os seus princípios! Isso para muitas mulheres pode parecer a coisa mais obvia do mundo, mas para mim que não tive muitas experiências, não vivi muitas coisas na vida e tinha péssimos exemplos, foi o que mais me mudou! O que ajuda bastante a colocar em pratica os ensinamentos são os exemplos a autora dá e pode ter certeza que vc já passou por metade deles e achou que fez a coisa certa.

O livro "por que os homens amam as mulheres poderosas" não é igual a maioria das revistas para mulheres que nos ensinam a ser capachos de homens, ele não vai te dizer para fazer um jantar maravilhoso para agradar o seu homem. Ele vai te ensinar a pensar com a sua própria cabeça, a parar de se preocupar de olhar ao redor para descobrir a opinião dos outros. 

Outro ensinamento que vale muito a pena nós prestarmos atenção é de acolher os elogios. Nós mulheres temos o péssimo hábito de sempre negar quando alguém nos elogia, sei que nunca estamos completamente satisfeitas com nossos corpos, mas o cara com quem vc quer ficar e o mundo não precisam saber disso, porque quando vc nega automaticamente já chama atenção para aquela coisa e a pessoa começa a concordar com vc. Isso é exatamente o que ninguém quer! Então se alguém elogiar o seu cabelo e vc achar que ele esta uma bosta aquele dia, apenas diga obrigada! 


Claro que os homens não são todos iguais, não dá pra generalizar o mundo, mas posso te garantir que 90% dos homens são bem parecidos! O que nós mulheres poderosas queremos é um homem de qualidade. Sim eles existem! Vc não quer uma pessoa que prefere estar com os amigos do que com vc, que não te elogia, não te valoriza e não faz de tudo para te agradar. É o mínimo que nós merecemos e se vc acha que esse é um pensamento egoísta e errado, então vc precisa realmente ler o livro, urgentemente!!

Eu já li o "Por que os homens amam as mulheres poderosas" umas 4 ou 5 vezes, sempre bom reforçar! Já dei de presente para uma amiga que precisava muito ler, mas que não queria mudar, então ela não leu e continuou sendo tratada mal, já emprestei para várias pessoas e agora estou repassando para vcs! 

Eu encontrei finalmente uma pessoa ideal, nós temos um relacionamento muito saudável (menos na parte alimentícia, hahaha), ele me ajuda a crescer a cada dia que passa, me ajuda a descobrir quem eu sou realmente e a lidar com todos os meus conflitos! É um companheiro mesmo, um verdadeiro amigo e namorado, nós já estamos juntos a 5 anos. Mas se não der certo não tem problema, porque foi extremamente enriquecedor.


Acima de tudo, quando vc quiser fazer alguma coisa, faça! Mas lide com as consequências depois! Uma mulher é poderosa simplesmente porque não esta disposta a abrir mão de si mesma!

Espero que vcs tenham gostado dessa dica de livro e por favor não fiquem tão bravas comigo! hahaha


Bjoo e boa viagem!


terça-feira, 6 de setembro de 2016

Vencendo o maior desafio de todos – 1 ano de academia

Olá Viajantes, tudo bem?

É com muita alegria e sensação de vitória que eu estou escrevendo esse post! Saber que eu consegui, eu venci um dos maiores desafios na minha vida! Ir a academia sempre foi uma luta, nunca gostei muito de musculação e sempre me achei um alienígena lá! Quem leu o post O maior desafio de todos: retornar a academia!, sabe do que eu estou falando e se vc não leu corre lá pra entender melhor esse post!



Quase um ano se passou desde quando eu comecei a academia em setembro de 2015, mas eu já estou comemorando! Eu nunca fiz mais do que poucos meses de academia, acho que no máximo uns 4 ou 5 seguidos, e agora estar fazendo a um ano chega a ser quase um mérito pra mim!

Eu comecei a gostar muito de musculação, cada dia que passa que eu consigo aumentar mais um pouco minha carga, me sinto extremamente saudável e feliz! Claro que eu prefiro mil vezes mais a zumba, faço duas vezes na semana e sempre quero mais, por mim eu faria todos os dias porque é ela que mais me motiva a ir. Agora meu corpo responde e muito aos meus comandos, quando eu quero pular eu consigo, quando eu quero descer até o chão eu consigo, quando eu quero rebolar muito eu consigo! As vezes me sinto um bonecão do posto, mas eu me solto tanto e fico tão feliz dançando que não me importo com as outras pessoas na sala (ok, nem sempre eu consigo).


O mais legal de tudo é entrar no post antigo e ler o quão difícil estava sendo pra mim naqueles primeiros dias cheios de dores e que eu não conseguia fazer os movimentos direito e agora tudo esta mais fácil, tive ganhos enormes em disposição, flexibilidade e resistência! Quase nem preciso beber muita água durante a aula.


Claro que tive alguns momentos ruins também, afinal nem tudo são flores! De outubro de 2015 à março desse ano eu estava extremamente focada, ia pelo menos 3 dias da semana na academia e ficava mais de 2 horas fazendo exercícios sem parar, cada vez mais me forçando a progredir em carga e tempo de exercício aeróbico, estava ótima! Mas então em março por causa do estresse do trabalho e algumas outras coisinhas passei mal num belo dia de manhã! Estava com uma tontura horrível, não conseguia nem ficar em pé que já parecia que eu ia cair! Repousei um dia em casa e no seguinte já estava trabalhando, mas a tontura continuava em mim de uma forma mais leve, mas ela estava aqui! Resultado: tive que dar um tempo da academia porque quando eu dançava ou fazia musculação minha tontura piorava e eu estava começando a ficar com medo daquilo.

Fui apenas em uns 5 ou 6 dias na academia no mês de março e aí perdi tudo aquilo que eu havia ganhado... Em abril dei uma grande desanimada porque a professora que me acompanhava saiu da academia e eu tive que escolher outra pessoa, mas continuei indo umas 2 ou 3 vezes na semana e aos poucos fui voltando a rotina de treino.

Só agora estou mais empenhada de novo, firme na meta mesmo não gostando tanto do professor que me passa os treinos e do treino em si. E claro que tem aqueles dias que não estou afim mesmo de ir, principalmente os dias de frio intenso, tento não me culpar muito e compensar um pouco na alimentação, mas sem neuras, tem que ser uma coisa prazerosa.

Sinto muita falta quando não vou na academia, parece que vou explodir de tanta energia acumulada dentro de mim, sinto falta da sensação de bem estar que vem depois da atividade física, aquela sensação maravilhosa de dever cumprido! Eu me sinto cuidada e bem comigo mesma!

Ainda me sinto muito julgada, como se todos estivessem o tempo todo olhando e rindo por dentro de mim, acho que serei um eterno “projetinho verão” já que continuo gordinha e a academia esta cada dia mais lotada (principalmente no horário que eu vou das 17h às 19h).


No primeiro semestre de 2016 fiz uma coisa nova também, comecei a fazer aulas de vôlei todas as terças e quintas na Unicamp e me diverti bastante, descobri um novo tipo de atividade física que eu gosto, mas sendo mega desastrada e azarada do jeito que sou me machuquei algumas muitas vezes. Também fui me consultar com uma nutricionista porque precisava melhorar minha relação com a comida, aprender a comer direito e bem, nesse quesito eu tive muitos ganhos, mas depois vou fazer um post mais detalhado pra vcs!

Infelizmente não emagreci muito, na verdade só uns 2 kg, mas meu corpo mudou bastante. Não me sinto mais tão inchada, meu abdômen esta um pouco mais "definido" e menor, minhas pernas e braços estão mais firmes e tonificados e não sinto nenhuma dor em nenhum lugar! Minha saúde esta praticamente perfeita já que estou conseguindo controlar os índices de colesterol, triglicérides e essas coisas ruins! Isso pra mim já é maravilhoso!

Minha auto estima continua baixa, mas não tanto quanto ano passado! Ainda não comprei roupas novas, apenas algumas para a academia e uns casacos de frio então só vou descobrir alguma diferença quando for me preparar para o verão, espero ter melhorado um pouquinho mais até lá!

Nesse meio tempo descobri uma inspiração, uma pessoa em quem eu quero me espelhar! Ela se chama Iskra Lawrence, uma modelo plus size gringa que faz campanhas para a Aerie. Não acho a Iskra tão plus size assim, apenas vejo curvas nela e uma mulher deslumbrante! Já me acostumei com a ideia de que não vou conseguir emagrecer muito e que meu biotipo é mais cheinho, então quero que meu corpo seja parecido com o dela, uma barriga mais chapada, um quadril largo e curvas sem pneuzinhos! Tudo bem ter um pouco de celulite e estrias porque isso é normal, todas as mulheres tem! O importante é conseguir se vestir bem e se sentir bem! Iskra consegue tudo isso, eu piro no Instagram e Snapchat dela! E não pense vc que ela não malha, porque ela vai a academia sempre e vc consegue ver pelas fotos que ela treina pesado!


Iskra Lawrence
É isso, eu sou uma gordinha fitness. E quem disse que gordinhas não podem ser fitness e atléticas?

A meta agora é continuar a academia por mais um ano e aos poucos tornar isso um habito como escovar os dentes! Um ano de cada vez, aos pouquinhos, eu chego lá...

Espero que vcs tenham gostado desse update no desafio! Eu estou me vendo vitoriosa, afinal é pra isso que desafios foram feitos, para serem vencidos!

E qual é o seu desafio desse ano?? Já cumpriu alguma daquelas metas que vc pensou lá no começo do ano??? Corre que ainda dá tempo heim!!


Bjoo e boa viagem! 

domingo, 28 de agosto de 2016

Adotar é tudo de bom!!

Olá Viajantes, tudo bem com vcs?

Um assunto muito especial pra mim e que eu precisava colocar aqui no blog é sobre minha cachorra Ellie! Mais especificamente sobre o processo de adoção e a causa animal.


Eu e minha mãe sempre tivemos cachorros e gatos então desde pequena eu fui acostumada a amar demais esses bichinhos. Minha vida foi marcada demais por 3 animais especiais e maravilhosos a Tulipa, a Serena e o Mew. Infelizmente o Mew, meu gato, fugiu de casa e nunca mais conseguimos encontrá-lo, hoje vejo que as tais "saidinhas" dos gatos são até legais pra eles, mas não fazem bem porque nunca se sabe quem ou o que eles vão encontrar nas ruas!

A Tulipa e a Serena foram minhas duas daschound (salsichinha) super especiais e que não estão mais conosco. Elas me proporcionaram momentos maravilhosos de muito amor por uns 12 anos mais ou menos e depois partiram, me deixando com muita saudade! De vez em quando sonho com elas e com a minha vó e assim consigo matar um pouquinho da saudade de todas.

Depois que a Serena partiu fiquei cerca de um pouco mais de um ano sem nenhum animal de estimação, como a perda dela foi muto difícil, eu e minha mãe decidimos que não teríamos mais nenhum outro bicho por um bom tempo. Mas o mundo dá voltas e depois desse tempo eu decidi que já estava na hora de ter um bichinho de novo, eu precisava daquela companhia, eu precisava de um carinho a mais, algo que me alegrasse porque estava numa depressão gigantesca...


Em agosto conversei com minha mãe e disse que eu queria ter um gato, ela até aprovou, mas descobrimos que meu namorado era bem alérgico a gatos e que o namorado da minha mãe também não iria gostar muito da situação. Então a decisão de ter um novo cachorrinho foi tomada e eu queria que fosse um vira-lata, um adotado, que eu pudesse ajudar alguma ONG de proteção animal.

Em setembro fomos numa feirinha de adoção da ONG Focinho Abandonado aqui de Campinas e eu estava decidida, só sairia de lá com uma cachorrinha fêmea, tinha visto uma que parecia labrador, mas quando cheguei ela estava no colo do novo dono e não tinha mais nenhuma fêmea disponível. Ainda bem que a Luíza da ONG Anjos de Rua estava lá e já sabia que eu queria adotar, ela tinha guardado uma fêmea pra mim!

E essa fêmea era a Ellie! Não sei até hoje se eu achava ela bonitinha ou feiinha, aquela bolinha de pelo pequena, cabeçudinha e com os olhos mais esbugalhados possíveis! Mas foi amor a primeira vista, ela já era minha, preenchemos os papeis, assinamos os contratos e fomos embora com ela no colo!


Lembro como se fosse ontem, ela estava morrendo de sono e foi dormindo no meu colo, simplesmente se aconchegou no meu ombro e pescoço e assim capotou! Incrível como esses serzinhos confiam na gente mesmo sem nos conhecer, mesmo tendo quase morrido quase porque algum "ser humano" abandonou uma ninhada inteira no meio do mato nas noites mais geladas do ano de 2013 (um dos irmãozinhos dela morreu...de frio), só basta vc pegar ele no colo, fazer um carinho e pronto, vc já é a pessoa mais especial do mundo pra ele!

O mais difícil foi decidir o nome, tinha várias opções, mas parecia que nenhum se encaixava direito! Eu sempre coloco o nome dos meus bichinhos de algum desenho, filme, anime, série que eu amo! A Serena veio da Sailor Moon, o Mew veio do Pokemon, a Tulipa já veio com esse nome e nós não trocamos porque ela já estava acostumada e a Ellie veio de muitos lugares que eu sempre ouvia esse nome, mas principalmente do filme O Diário de uma Paixão e Up - Altas Aventuras. Ellie significa brilhante!


Em setembro irei comemorar 3 anos que adotei a Ellie e nada mais justo que um post sobre ela! Ellie é extremamente agitada e arteira, tem uma força gigantesca e pula mais que um cabrito! Detesta piscina, mas ama brincar com água da mangueira, tomar banho no verão e enfiar a cara nos baldes de água! Ela late muito e bem alto, não gosta de gatos e nem de gente estranha em casa, mas é muito carinhosa (de uma forma bruta) e extremamente companheira.

Sou completamente apaixonada por ela, não sei o que eu faria se um dia ela fugisse/escapasse ou se alguém fizesse algum mal a ela! Acho que eu entraria em depressão de novo, já que foi a Ellie quem me ajudou a sair do buraco!

Posso dizer que a experiência de adotar um animal de rua é maravilhosa, eles são seres que precisam de tanto carinho, são tão sofridos, tão carentes que reconhecem qualquer coisa que vc faça por eles! Acho que cachorros vira-latas são especiais, parece que eles sentem mais as coisas! A Ellie não pode me ver triste que já fica em cima de mim querendo me animar a qualquer custo! Não entendo porque a sociedade tem tanto preconceito com os vira-latas, porque as vezes tem espaço pra um cachorro de raça, mas pra um vira-lata não tem? Porque olhar para um vira-lata e achar que ele não é digno da melhor comida, da melhor cama, de uma roupinha quentinha?? Ou que ele não merece tomar banho de 15 em 15 dias iguais a todos os cachorros de raça com pelo comprido? Vc pode achar tudo isso que eu escrevi absurdo, mas foi o que eu mais ouvi desde que adotei a Ellie e conto pra todo mundo que ela é vira-lata!


Como vcs já devem ter percebido, eu amo todos os tipos de bichos (menos os insetos - tipo barata), se eu pudesse tinha vários, um de cada tipo! Mas como a gente mora na cidade não temos espaço suficiente pra isso! Então eu apoio muito a causa animal! Seja pra resgatar um cachorro, um cavalo ou um leão! Os animais infelizmente não conseguem falar, não sabemos o que eles estão passando, eles não conseguem pedir! E assim morrem de frio, de fome, doentes e atropelados. Nosso dever como seres racionais é proteger essa minoria, que são criações divinas assim como a gente. Independente da sua crença/religião devemos fazer o bem e ajudar aqueles que mais precisam, sempre!

Vc não precisa doar dinheiro, eu mesma infelizmente não tenho condições de ajudar as ONGs financeiramente, mas vc pode ser voluntário em feirinhas, pode ser Lar Temporário pra algum animalzinho (não tem custo algum, nem com ração) e o mais fácil de tudo, pode divulgar o trabalho dessas ONGs, divulgar os animais que estão precisando de adoção ou Lar Temporário, é só compartilhar em suas redes sociais ou contar para seus amigos e familiares!


Vou deixar 4 ONGs aqui de Campinas que eu apoio muito, conheço o trabalho e que precisam de muita ajuda sempre!





Então meus queridos leitores se vcs querem um bichinho de estimação ou conhecem alguem que esta interessado em ter uma companhia, por favor adotem!!! Porque adotar é tudo de bom mesmo!!

Espero que vcs tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre a minha lindeza, minha cabrita e o "amor da vida da mãe" e me contem se vcs tem algum bichinho, se vc já adotou alguma vez??

Coloquem links de fotos dos seus bichinhos nos comentários!! Quero conhecer todos eles!!

Bjoo e boa viagem!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...